domingo, 17 de fevereiro de 2013

Leitura (visual) do dia: Ásia em Cores

Pra começar muito bem essa semana preguiçosa pós-Carnaval, descobrimos um trabalho mega inspirador de boas ideias e boas combinações. Esse post começa aqui e termina lá no Facebook, ok? 

Trata-se do trabalho da fotógrafa brasileira Eliane Band – que descobrimos na fanpage, também inspiradora, Walk and Talk. Eliane rodou diversos países do Oriente e fez registros inacreditáveis das curiosidades, locais, pessoas, hábitos ou momentos incríveis que sua câmera conseguiu captar. 

Pushkar - India


Minoria étnica Lu - Vietnã - Os dentes cobertos pela pasta preta tem razões estéticas. Para elas, quanto mais preto, mais bonito. Acreditam que quando elas envelhecerem, os dentes ficarão mais fortes. Faz parte da tradição que as meninas antes do casamento precisam ser muito habilidosas com os bordados.
 

Isso é só uma amostra! O resultado desse trabalho sensível está reunido na fanpage Ásia em Cores. Além das fotos, há curiosidades sobre os locais - algumas delas estão por aqui, nas legendas das imagens.

Minoria étnica Flower Hmong com sua indumentária deslumbrante Vietnã

Laos

A página é, de fato, um passeio encantador e viciante pelos tons, tecidos, detalhes e expressões de diversos países. Algo inspirador, de verdade, que vale a pena ser visto. 

Clica aqui e não perde! 

Minoria étnica Dong - China
O coque alto com a flor na cabeça indica que elas vivem nas montanhas
Aproveita pra curtir nossa fanpage também, que tal? 
Beijos!!

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Diário de Férias [2]

Continuando nosso diário de férias, mais novidades bacanas pra gente apresentar - e manter - ao longo de 2013. Pra quem tá por fora do nosso novo local de trabalho e outras notícias fresquinhas, confere nosso a primeira parte do nosso Diário, postada aqui.


A gente já contou que, nesse ano, inauguramos o nosso perfil no Pinterest (já seguiu?), repleto de boards com imagens inspirativas e de nossos produtos mais desejados. Hoje, a gente quer falar de dois boards especiais que criamos por lá: Estampas e Pra Anotar.

Como apaixonadas por tecidos, vamos reunir estampas variadas que encontrarmos na rede no board Estampas. A ideia é ter um conjunto de referências para próximos trabalhos.  E quem tiver estampas legais, ou de criação própria, a gente faz questão de ver!
 

Já o board Pra Anotar vai ser o ombro amigo do Ateliê! Para aqueles momentos em que a gente precisa ler algo inspirativo ou motivacional, vamos reunir frases positivas ligadas ao artesanato ou à trabalhos manuais.


Além disso, demos início, neste ano, ao nosso canal de vídeos no Youtube! Esse é um projeto antigo que tomou forma agora: por lá, vamos reunir os vídeos de tutoriais e dicas que a gente acha mais interessantes pela rede. Aproveita pra seguir clicando aqui.


Vamos que vamos!!
Mais novidades em breve nessas férias da loja :)

Beijos!!

Leitura de férias: Projeto Made in the Dark

Essa semana, lemos sobre um projeto muito interessante e que vale muito o registro aqui no blog - além da divulgação, é claro. 

Trata-se do projeto britânico Made in the Dark (Feito no Escuro), uma iniciativa criada na pela Royal College of Art, em parceria com a Blind People's Association e a Andh Kanya School, que possibilita que mulheres cegas utilizem miçangas aromatizadas para confeccionar acessórios. Incrível, não?


 
O sistema usa uma linguagem de aromas que permite que essas mulheres identifiquem as cores e façam suas próprias combinações. Assim, essas artesãs criam peças singulares com um design totalmente handmade, que mistura o visual com o toque de perfume. Made in the Dark é a marca criada para ajudar essas mulheres a venderem essas peças - que combinam tradição com uma modernidade sem igual. É uma forma que as ONG's locais encontraram de promover essas peças aromáticas e, ainda, divulgar o problema da cegueira no país. 



Há, hoje, 15 milhões de pessoas cegas na Índia. Desses casos, 80% são causados por razões que poderiam ter sido prevenidas - como catarata e má nutrição. Mas, além de centros de tratamento insuficientes, há desconhecimento sobre o problema. A ideia é toda voltada para que haja essa conscientização. Os Colares para Óculos, por exemplo, foram incorporados à coleção para incentivar o uso de óculos escuros. 


Mais um, entre os vários benefícios da iniciativa, é o incentivo ao trabalho artesanal dessas mulheres, que, certamente, encontram-se excluídas do mercado, desconsiderando totalmente suas capacidades manuais. A possibilidade de trabalhar em cima da criação de acessórios e ainda ganhar dinheiro com isso - o material é vendido para atacadistas - é o maior incentivo para elas.


O que vocês acharam? A gente se apaixonou!
Tem mais no link!

Beijos!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails