sexta-feira, 15 de março de 2013

Museu de Arte Sacra (III): Oratórios

Nessa terceira parte da nossa série sobre a visita ao Museu de Arte Sacra, vamos mostrar outra paixão do Ateliê: os oratórios. Não é à toa que, na loja virtual, é possível encontrar uma coleção completa de Oratórios personalizados por aqui, nós adoramos a peça! Por isso, merecia um capítulo à parte - e aqui incluimos, também, os sacrários e mesas de altar.


O que mais impressiona nessa visita é o nível de detalhamento das peças feitas em épocas, muitas vezes, bem distantes e com considerável nível de conservação. Admirável mesmo. No segundo post da série, sobre as imagens, já havíamos atentado para a estamparia das pinturas. Tudo colorido, com desenhos e detalhes - principalmente fundos floridos.

Frente de Sacrário - séc. XVIII - madeira policromada - MG
 
Sacrário - séc. XVII - madeira policromada e dourada - SP
Detalhe - Sacrário


Mesa de Altar - Cristo Morto
Detalhe - Mesa de Altar - séc. XVIII - madeira policromada dourada - SP
Detalhe da Mesa e Nossa Sra. da Luz - séc. XVI - barro cozido policromado - SP

Aqui, outro aspecto mereceu atenção: o tamanho. Em algumas salas do Museu, era possível encontrar Oratórios enormes, que ocupavam quase toda a extensão do teto ao chão. Ao vivo, certamente, o impacto é inesquecível, mas a ideia aqui é conseguir transmitir um pouco desse encantamento para vocês. O suspiro era inevitável.


Séc. XVIII - colunas e arcadas de altar, em madeira policromada, trabalho completo de talha barroca, com desenhos esculpidos de anjos, querubins, galos, pelicanos, folhagens e flores, além de capitéis esculpidos nas colunas e arcos emoldurados -SP

Detalhe
Detalhe

Detalhe

Nossa Sra. do Rosário - séc. XVIII - madeira policromada - BA

Detalhe

Oratório da Santa Virgem (séc. XVI, madeira com vestígios de policromia - Espanha)

Detalhe - Oratório da Santa Virgem

 Além disso, vale ressaltar também a presença constante do ouro. A abundância do material na época pode ser percebida em quase todas as peças, nos menores e maiores detalhes, onde ele era aplicado, sem restrições, nas curvas barrocas, nos detalhes das roupas e nos arabescos.
 
Oratório - séc. XVIII - madeira policromada - MG
 
Oratório de embutir na parede - fim do séc. XVIII - madeira policromada - MG

Detalhe do Oratório com São Miguel Arcanjo - séc. XVIII - madeira policromada e dourada - MG

Tudo absurdamente encantador! Lembrando que ao clicar nas imagens, elas aumentam.

E então, qual será o próximo capítulo dessa visita?
Fiquem de olho e comentem à vontade!

Beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails