terça-feira, 28 de março de 2017

Fotos - Workshop DIY: Ideias em Vidro

Conforme contamos nesse post, aconteceu, no mês de março, o primeiro Workshop do Ateliê. A partir da paixão pelo DIY e do sucesso desse novo hábito entre os amantes da decoração, optamos por focar nossa primeira empreitada em um material muito versátil: o vidro. Quantas possibilidades o vidro nos proporciona - e com as técnicas certas, é possível criar verdadeiros objetos de arte para compor diferentes ambientes. Assim, aconteceu o Workshop DIY - Ideias em Vidro.




Graças à confiança, à dedicação e ao talento das nossas alunas, foi um sucesso. Contamos, também, com uma linda matéria no jornal Tribuna de Minas (Juiz de Fora - MG), onde pudemos falar um pouco sobre o curso e dar dicas de técnicas para fazer em casa. 
Para quem não viu a matéria, clica nesse link - está imperdível!

Durante todo o Workshop, trabalhamos as 5 técnicas que faziam parte do programa:

- Marmorizado com Decoupage
 - Marmorizado com Envelhecimento e Textura
- Dourado com Renda e Betume
- Craquelado com Decoupage
- Transferência de Imagem

Foram dias deliciosos, cheios de aprendizados, ideias, risadas e conhecimento.
Com exceção das garrafas e potes de vidro, todo o material foi fornecido pelo Ateliê e a produção foi incrível. As nossas participantes conseguiram trazer toda  a sua criatividade para o Ateliê, resultando em itens únicos e exclusivos. A ideia é que as  técnicas aprendidas possam ser reproduzidas em qualquer peça de vidro e, especialmente, que a decoração expresse, mais do que nunca, a personalidade das nossas artistas.

Confira alguns cliques:











Quer participar da próxima turma?
Envie um email para cristinamartins@cristinamartins.com.br e entraremos em contato com as possibilidades de novas turmas e datas.

;)


domingo, 5 de fevereiro de 2017

WORKSHOP DIY - Ideias em Vidro



Sabemos como a questão da reciclagem está, cada vez mais, inserida no dia a dia das pessoas. Esse movimento ajudou a posicionar o trabalho handmade e a fazer do famoso DIY (Do It Yourself – tradução: Faça você mesmo!) uma das paixões de jovens e adultos atualmente.

Pensando nisso, criamos o 1º Workshop do Cristina Martins: DIY – Ideias em Vidro




PORQUE O VIDRO?
O vidro, em especial, é um dos materiais favoritos para trabalhos manuais, por trazer tantas possibilidades e por ser tão versátil e adaptável aos ambientes e a aplicação de técnicas, das mais simples às mais requintadas. Ao mesmo tempo, ele traz consigo uma elegância única, que permanece nas peças com resultados surpreendentes.

O QUE VOU APRENDER?
O objetivo do Workshop é ensinar você a transformar aquela garrafa ou recipiente de vidro inutilizado em uma bela peça de decoração ou em um presente exclusivo, com a personalidade e o charme que só o DIY imprime nas peças.
O programa do Workshop “DIY – Ideias em Vidro” inclui 5 técnicas:
- Marmorizado com Decoupage
- Marmorizado com Envelhecimento e Textura
- Dourado com Renda e Betume
- Craquelado com Decoupage
- Transferência de Imagem


 
Craquelado com Decoupage
Dourado com Renda e Betume

Marmorizado com Decoupage
Marmorizado com Envelhecimento
e Textura
 Transferência de Imagem


QUANDO?
São 4 opções de datas: 14/03, 16/03, 21/03 ou 23/03. O programa é exatamente o mesmo em qualquer uma delas, com início às 9h e término às 18h – com intervalo de 1h30 para almoço (não incluso). As vagas para cada dia são limitadas.
 
QUANTO?
O investimento é de R$60 pelo dia inteiro de Workshop, com material incluso – exceto garrafas de vidro (o aluno deve levar apenas 5 garrafas de vidro, uma para cada técnica do programa). A forma de pagamento pode ser acordada no ato da inscrição.

COMO?
As inscrições acontecem de 07/02 a 24/02 e podem ser feitas de duas formas:
- Telefone e whatsapp: (32) 984944655

Esperamos vocês :)

Rede de artesãos cria marca local

Projeto de empreendedorismo pretende fortalecer a cadeia produtiva, fomentar o turismo e o desenvolvimento econômico.

Por Gracielle Nocelli 
*matéria publicada no jornal Tribuna de Minas do dia 15/01/17




Juiz de Fora deu o pontapé inicial para a criação de um circuito de marcas locais de artesanato. A ideia foi desenvolvida durante o projeto Empreendedorismo Criativo Conectado, realizado no ano passado com artesãos da cidade, e começou a ganhar forma com o lançamento da primeira coleção do trabalho “Memórias JF”, que reúne peças artísticas que retratam a história do município. A iniciativa pretende fortalecer a cadeia produtiva, fomentar o turismo e o desenvolvimento econômico.

A artesã e idealizadora do “Memórias JF”, Josy Amaral, conta que a ideia de transformar história em arte era um desejo antigo. “Já tinha essa vontade há muitos anos, e a participação no projeto Empreendedorismo Conectado me deu a oportunidade de desenvolvê-la dentro da iniciativa de criação de um circuito de marcas locais.” O projeto, realizado pelo Studio Dialeto, ofereceu capacitação aos artesãos em temas como identidade, planejamento estratégico, processo criativo, apresentação e exposição dos produtos, atendimento ao cliente, e estimulou a organização dos profissionais para a consolidação do setor.

A primeira coleção do “Memórias JF” reuniu uma equipe de cinco artistas, liderada por Josy, para o desenvolvimento de produtos que retratassem o empreendedorismo da cidade baseado em Pantaleone Arcuri. Quadros feitos com diferentes técnicas, ecojoias, esculturas, bolsas, bótons e outras peças integram o acervo, que está à venda na loja Traços de Minas. “A receptividade do público tem sido muito boa. As pessoas da cidade se interessam em ver as nossas raízes, e os turistas gostam de poder levar um pouquinho de Juiz de Fora para casa. Todos comentam que faltava uma marca deste tipo no mercado”, diz Josy.

Segundo ela, ainda este mês será definido o tema da segunda coleção “Memórias JF”, que tem lançamento marcado para 31 de março. “Novamente vamos abrir inscrições para que os artesãos interessados possam participar do trabalho de pesquisa e produção. A ideia é aumentar esta rede de profissionais, assim como a captação de espaços para prospecção de consumidores. Pretendemos buscar parcerias para levar as coleções para eventos de turismo e, também, junto às empresas locais que possam oferecer as peças como brindes. Queremos mais pessoas abraçando este trabalho.”

A gerente do departamento de incentivo ao turismo da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF), Tatyana Herdy Hill, afirma que a iniciativa é muito positiva para o município. “A produção associada ao turismo é muito valorizada e cria uma identidade local. Ela permite conhecer melhor a produção que é feita aqui e ter uma referência sobre a nossa história e tradição. O turismo é um importante vetor da economia, e temos total interesse em apoiar a divulgação deste tipo de iniciativa.” Para o assessor de turismo da PJF, Marcos Henrique Miranda, o circuito de marcas artesanais da cidade é inovador. “Juiz de Fora carece deste tipo de produto, que é o que o turista quer, algo único, desenvolvido de forma criativa. Neste sentido, os artesãos podem contribuir de forma muito efetiva.”

A coordenadora do projeto Empreendedorismo Criativo Conectado, Wanessa Bittar, enxerga de forma satisfatória os primeiros passos para a criação de um circuito de marcas artesanais. “É um primeiro resultado da ação de fomentar a economia criativa na cidade.” Segundo ela, o projeto será mantido este ano com reformulações, consolidando a rede de network entre os artesãos. “Os participantes do grupo compartilham conhecimentos de forma a aumentar o aprendizado e a experiência, fortalecer o portfólio de projetos com foco colaborativo e a marca profissional.”

Também para 2017, o Studio Dialeto criou um novo projeto, intitulado Empreenda Conhecimento, para incentivar o desenvolvimento de ideias empreendedoras embrionárias com foco socioambiental. Nesta segunda-feira (17), será realizada palestra de capacitação e, também, será divulgada a ideia selecionada para receber estruturação e apoio para ser desenvolvida. Outras informações podem ser obtidas no endereço www.studiodialeto.com.br/empreenda-conhecimento.

domingo, 27 de novembro de 2016

Projeto MEMÓRIAS JF: as coleções

Como contamos aqui, o Ateliê está fazendo parte do projeto MEMÓRIAS JF - iniciativa da Traços de Minas que busca valorizar a história de Juiz de Fora a partir do olhar criativo de quatro artistas locais. O lançamento aconteceu neste mês e foi um sucesso! As coleções foram reveladas e surpreenderam pela delicadeza e minuciosidade, oferecendo ao mercado local opções de lembranças cheias de significado - ótima ideia para o Natal, né?


Bom, vamos conhecê-las, então?

Coleção Santo Antônio Padroeiro - Cristina Martins Artesanato&Ateliê
Nossa especialidade é a arte sacra e suas muitas vertentes. Então, era justo que focássemos o projeto no padroeiro da cidade: Santo Antônio. A pesquisa revelou uma história bastante profunda sobre a escolha por Santo Antônio como símbolo local e nos surpreendemos com a quantidade de informações que apresentam conexão direta com a realidade atual da cidade. A coleção explora a iconografia tradicional de Santo Antônio e outras técnicas sobre o gesso, resultando em 5 versões totalmente diferentes deste símbolo de Juiz de Fora: textura envelhecida com filtro de café, pátina ebanizada e pintura acetinada, decapê acetinado com efeito porcenalizado, pintura à óleo clássica e imitação de pedra com pátina cera. Cada imagem tem 20cm de altura e acompanha embalagem de acetato e tag explicativa de algodão cru. Veja a coleção completa aqui.



Coleção Acessórios e Caixas - Eliane Rocha
Eliane é responsável pelo belíssimo trabalho da marca Lando Arto - em Esperanto, a expressão significa "Arte do País". Com a Lando, Eliane aposta em produtos artesanais sustentáveis, produzidos a partir do reuso de materiais descartados. Assim, incorpora em suas criações valores como consumo consciente, slow consume e valorização do handmade. São itens cheios de personalidade, que promovem o comércio justo, com responsabilidade social atrelada à produção. Por meio do conceito dos 4R's (repensar, reduzir, reutilizar e reciclar), Eliane busca o equilíbrio entre natureza, economia e sociedade. Em sua coleção, traz uma série exclusiva de ecojoias e uma série de caixas inspiradas na arquitetura local. Além disso, a coleção traz também opções de quadrinhos decorativos, bolsas artesanais e botons - tudo feito à mão.

 




Coleção Sketchbooks e Ilustrações - Letícia Amorim
A fotógrafa e designer Letícia Amorim traz para o projeto todo seu expertise em artes visuais, criando, assim, uma charmosa coleção inspirada na arquitetura da cidade, composta por sketchbooks e quadros ilustrados. A tradução literal de sketchbook é "caderno de rascunhos", mas o charmoso livreto ganhou novo contexto com o passar do tempo. Hoje, trata-se de um pequeno book usado para registros variados - textos, desenhos e ideias. Perfeito para ser levado a qualquer lugar! Letícia traz, para o projeto, 5 opções focadas nas imagens que traduzem a história dos empreendedores pioneiros de Juiz de Fora. A coleção também conta com uma série de ilustrações emolduradas, feitas à mão com lápis grafite sobre papelão preparado. São 3 opções icônicas para a história da cidade: Casa D'Itália, Banco de Crédito Real e Igreja do Rosário de Juiz de Fora.



Coleção Janelas - Rogério Batista
Rogério mistura tradição e modernidade em seu trabalho único no Monge Design de Objetos, onde produz itens confeccionados com matéria-prima 100% sustentável. O design exclusivo transita entre o artesanato e a arte, repousando sobre a estética retrô - o uso de caixas antigas como uma alternativa de decoração cheia de personalidade. Para o Memórias JF, Rogério criou a série de quadros Janelas, inspirada em fachadas de prédios simbólicos da cidade. Uma delas é a janela da fachada da Cia. Dias Cardoso, na Rua Halfeld - prédio construído pela Cia. Pantaleone Arcuri em 1916, sob o estilo Art Nouveau. Esse estilo buscava inspiração na arte e arquitetura internacionais do século XX, caracterizado por conjugar fluidez e requinte com traços abstratos e geométricos, buscando, assim, integrar fachada, interior e mobiliário. Na Art Nouveau, o ornamento deveria tornar-se parte integral do processo industrial, agregando aos objetos mais comuns beleza e valor, graças ao design. 



E então, já escolheu seus presentes?
Todas as coleções estão disponíveis na Traços de Minas - Av. Rui Barbosa, 873, Juiz de Fora.
E a nossa coleção Santo Antônio Padroeiro também está disponível na nossa loja virtual: www.cristinamartins.com.br.

Esperamos vocês!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails